logo
Vista de Entrada

O nosso exórdio swinguer

Pouco mais de um ano depois de nos assumirmos swingers, foi publicada uma reportagem sobre o swing em Portugal: http://www.noticiasmagazine.pt/2015/swing-nos-eles/. A primeira comoção foi um completo dissabor. Uma das características atraentes sobre o meio é o secretismo e, apesar de ser inevitável negar que parte desse glamour é perdido em detrimento do mundo virtual, ver uma reportagem de um conceituado jornal mencionar os clubes existentes e promover o modo de vida pareceu-me desnecessário. Mas, esta foi só a opinião inicial.

Esmiuçado todo o texto, espoletou a reminiscência. Em mais uma conversa cúmplice a dois, concluímos que quase tudo está escrito conforme vivenciamos e idealizamos. Na realidade até assumimos, entramos no meio pelo mundo virtual.

Tinha muita vontade em afirmar a minha bissexualidade. Fantasiava muito em ver o meu amante de vida com outra e que ele me visse a mim. No mundo cibernético é muito mais fácil esconder a timidez e partilhar estes desejos com outros. Numa destas noites de tertúlias virtuais, foi mencionado um site que cativou a minha curiosidade, dedicado ao tema: sexo. Cada vez mais decidida, entrei na comunidade e depressa o conceito swing pairava na minha mente. A comunicação é um ponto muito forte cá em casa e no mesmo dia falei ao meu mais que tudo sobre as novidades. Obtido o aval para alastrar o conhecimento pelas mesmas demonstrações de fascínio.

Investigações feitas, decidimos ser apenas um pouco divergentes do meio hedonista e aumentamos o desafio. Optamos pela troca total mas na condição de fazer jus à história do conceito: exigimos amizade. Tal como aqui já apresentei. No momento dessa decisão imaginamos apenas que reduzíssemos a pretensão de contacto connosco. Hoje sabemos ser esta exigência um foco de frustração. Alimentar amizades é difícil e gerir emoções mais ainda mas ainda não alteramos este ideal.

Foi por este mesmo que ganhamos a atenção de um casal: Alberto e Sofia. Os mesmos empatizaram connosco pelos ideais bem definidos no perfil. Empolgamo-nos os quatro nas primeiras conversas escritas, depois em voz e imagem. A principal atracção foi a simpatia e vivacidade. Eu e Alberto éramos os donos das teclas e tínhamos longas tertúlias que nos auxiliaram a conhecer mais o meio e a partilhar fantasias. Eles tinham alguma experiência de vida a mais e eu, a benjamin, sugava a sapiência ainda com muita ingenuidade.

Um serão bem passado numa noite de Verão à beira rio, debatemos alguns temas até então escritos. De repente fomos convencidos a conhecermos um clube. Essa era outra questão que veio a ser moldada com o tempo. A imagem nas nossas mentes sobre estes espaços era o conceito no filme “de olhos bem fechados”. Imaginávamos trocas de corpos sem a verdadeira atractividade de um ser – a sua personalidade. Troca por troca, uma noite apenas, definitivamente não era por nós pretendido. No entanto Sofia, a mulher de sorriso no olhar e serenidade aparente, incentivou-me a olhar estes espaços com outros olhos. Falou-me em mais do que um conceito existente e disponibilizaram-se a apadrinharem-nos em tom de brincadeira.

Ler mais em: http://volupialunar.blogspot.pt/2016/08/o-nosso-exordio-swinguer.html

meigos_e_abusados 26.08.2016 2
Comentarios
Ordenar por:
Por página:
 
  •  CasalSimplex: 
     
    Quando vos conhecemos pessoalmente, presumimos que eram "swingers" há mais tempo, tal era o à vontade que manifestaram, hoje, calhou de reparar neste texto, mais admirados ficamos por percebermos que também participamos na reportagem que vos causou algum "dissabor" inicial. Também não concordamos com algumas conclusões jornalísticas, mas a liberdade de pensamentos é mesmo isto, cada um faz e diz o que pensa.
    Sugerimos a leitura da nossa opinião sobre essa reportagem em
    https://www.swpt.­org/blogs/entry/Reportage­m-e-nossa-opini%C3%A3o-ge­ral­
     
     14.11.20161 respuestas1 Respuestas 
    0 puntos
     
Información de Entrada
flag meigos_e_abusados

gondomar

 41  37
26.08.2016 (Hace 1088 días)
Calificar
0 votos
Acciones
Categorías
Entertainment Blogs (22 entradas)
Holidays (1 entradas)
Etiquetas
Vacío